GAZETA DIGITAL ISSUU - Gazeta de Rio PretoISSUU - Gazeta de Rio Preto

Política

Alckmin terá mais tempo de TV que todos adversários

Ao todo, segundo levantamento prévio, tucano terá 6min e 3 seg de tempo de TV

Com a confirmação das coligações para a campanha eleitoral deste ano, o candidato do PSDB à Presidência, Geraldo Alckmin (PSDB), terá direito a mais tempo de TV que outros cinco rivais somados (Lula, Henrique Meirelles, Alvaro Dias, Ciro Gomes e Marina Silva).
Ao todo, segundo levantamento Alckmin terá direito a 6 minutos e 3 segundos de tempo de TV em cada bloco de propaganda, cujo tempo total é de 12 minutos e 30 segundos.
Juntos, Lula (PT), Henrique Meirelles (MDB), Alvaro Dias (Pode), Ciro Gomes (PDT) e Marina Silva (Rede) terão direito a 5 minutos e 7 segundos.

Confira o tempo de cada candidato:

Geraldo Alckmin (PSDB, PP, PTB, PSD, SD, PRB, DEM, PPS, PR): 6min3seg

Lula (PT, PCdoB, PROS, PCO): 2min7seg

Henrique Meirelles (MDB, PHS): 1min38seg

Alvaro Dias (Podemos, PSC, PRP, PTC): 33seg

Ciro Gomes (PDT, Avante): 33seg

Marina Silva (Rede, PV): 16seg

Jair Bolsonaro (PSL, PRTB): 8seg

O resultado tem como base um levantamento feito por analistas do banco BTG Pactual sobre o cenário das eleições. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou que só definirá os tempos oficiais após o dia 15 deste mês, quando acaba o prazo para registro das candidaturas.

'Centrão'

Candidato com mais tempo de TV, Alckmin teria direito, inicialmente, a 1 minuto e 14 segundos de TV por bloco de propaganda, mas, com o apoio do chamado "Centrão", o tempo ultrapassou 6 minutos.
Isso porque, juntos, os partidos do grupo somam cerca de quatro minutos de tempo de TV por bloco.
Parte do "Centrão" chegou a negociar com Ciro Gomes; outra parte negociou com o candidato do PSL, Jair Bolsonaro; e uma outra ala foi procurada pelo PT.
Na semana passada, durante entrevista à GloboNews, Alckmin foi questionado sobre se buscou o apoio do "Centrão" em razão do tempo de TV. O candidato, então, respondeu: "Não é só tempo de TV. Nós temos no Brasil um quadro pluripartidário, o que é muito ruim. São 35 partidos, esta é a realidade", afirmou.

Pesquisa eleitoral

Segundo a última pesquisa Ibope, divulgada em 28 de junho, Lula aparece em primeiro lugar nas intenções de voto, com 33%. Em seguida, aparecem Jair Bolsonaro (PSL), com 15%; Marina Silva, com 7%; Ciro Gomes, com 4%; e Geraldo Alckmin, com 4%.

 

Por Raphael Ferrari em 07/08/2018 às 10:30
JK Essencial Residence