Política

Vereadores aprovam instalação de CEI para investigar Emurb

Um dos alvos da comissão deve ser o processo de licitação para desenvolvimento do aplicativo da Área Azul digital, que apresentou uma série de falhas e irregularidades

A Câmara de Rio Preto aprovou, nesta terça-feira, dia 6, a instalação de uma CEI para investigar possíveis irregularidades na Emurb (Empresa Municipal de Urbanismo). Um dos principais alvos deve ser o processo de licitação para desenvolvimento do aplicativo da Área Azul digital.

O requerimento foi assinado por 10 vereadores: Anderson Branco (PR), Celso Peixão (PSB), Gerson Furquim (PP), Jorge Menezes (PTB), José Carlos Marinho (PSB), Márcia Caldas (PPS), Marco Rillo (PT), Pedro Roberto (PRP) e Renato Pupo (PSD) e pelo presidente do Legislativo, Jean Charles (MDB). Um sorteio, que deve acontecer nesta quinta-feira, dia 8, define o presidente e os demais membros da comissão.

A primeira sessão ordinária do ano teve também a aprovação dos sete projetos que constavam na pauta, com destaque para os protestos de representantes do Sindicato dos Comerciários (Sincomerciários), que questionaram o projeto do vereador Paulo Pauléra (PP) que pretende flexibilizar os horários do comércio da cidade, liberando a abertura de lojas de segunda-feira a domingo.

 

Ainda durante a sessão, representantes do Sindicato dos Comerciários (Sincomerciários) protestaram contra projeto do vereador Paulo Pauléra (PP) que pretende liberar a abertura do comércio de segunda-feira a domingo.

 

Por Getúlio Salvador em 07/02/2018 às 08:43