Política

Liszt Abdala será investigado pelo Ministério Público

Empresa que tinha o secretário de Desenvolvimento Econômico de Rio Preto como sócio recebeu cerca de R$ 1 mil do município, em 2010

O Ministério Público vai investigar o secretário de Desenvolvimento Econômico de Rio Preto, Liszt Abdala, por conta de recebimento de pagamento da prefeitura a empresa Marbell Teleinformática, que tinha o nome dele como proprietário entre 2009 e 2011.

Em abril de 2010 a empresa recebeu pagamento da Prefeitura. Abdala foi presidente da Emurb de abril daquele ano até o começo de 2012, na gestão do ex-prefeito Valdomiro Lopes (PSB).

Em 2011 a empresa voltou a receber da prefeitura, mesmo ano em que Liszt se retirou do quadro de proprietários. No ano passado a empresa, que tem como sócia a irmã do secretário, participou da licitação da Área Azul, motivo que levou o Liszt a ser sabatinado nesta semana por vereadores na Câmara de Rio Preto. 

Por Getúlio Salvador em 17/01/2018 às 12:35
JK Essencial Residence