Política

Tiririca renuncia cargo de deputado federal e se despede da vida pública

Parlamentar foi reeleito em 2104 com mais de um milhão de votos e afirma que o aquilo que acontece na política e no congresso “é vergonhoso”

Chegou ao final, na tarde desta quarta-feira, dia 6, uma das mais meteóricas carreiras da história recente da política brasileira. O deputado federal Tiririca (PR-SP) usou a tribuna da Câmara pela primeira e última vez para comunicar que estava renunciando ao cargo paro qual foi reeleito em 2104 com mais de um milhão de votos.

Tiririca sai dizendo que o que acontece na política e no Congresso “é vergonhoso” e que deixa o parlamento “triste pra caramba”. “Não fiz muita coisa, mas pelo menos fiz o que fui pago para fazer. O que vi nestes sete anos saio com vergonha. Mas gostaria que vocês - só um pedido de gente, de povo - olhassem mais para o povo - disse

Nem todos os 513 trabalham. É vergonhoso: ando de cabeça erguida porque tenho coragem, mas muitos de vocês andam disfarçados. Já vi deputados envergonhados. A gente é bem pago, R$ 23 mi limpos, tem apartamento, mordomia. Não fiz nada, mas o pouco que eu fiz, fiz de cabeça erguida. É vergonhoso, é uma vergonha - disse.  

Por Da Redação em 06/12/2017 às 17:59
JK Essencial Residence