Política

MP denuncia Marcondes por crime eleitoral

Ex-presidente da Câmara de Rio Preto já foi condenado a perda do mandato, em primeira instância e na esfera civil, com base nas mesmas acusações

O Ministério Público denunciou, mais uma vez, o vereador Fábio Marcondes (PR) por compra de votos e abuso de poder econômico, dessa vez na esfera criminal. Os supostos crimes teriam ocorrido, de acordo com a denúncia, durante as eleições de outubro.

Marcondes já foi condenado a perda do mandato, em primeira instância e na esfera civil, com base nas mesmas acusações. Ele só será obrigado a deixar o cargo, porém, caso o recurso apresentado por ele à sentença seja recusado pelo Tribunal de Justiça de São Paulo.

A denúncia que deu origem à ação foi oferecida pelo promotor da 125ª Zona Eleitoral, André Luís de Souza. O processo pede também a condenação de Rogério Martins, que trabalhou como cabo eleitoral de Marcondes durante a campanha do ano passado.  A pena prevista para esse tipo de crime é de até quatro anos de prisão.

A ação criminal é resultado de inquérito policial conduzido pela Polícia Federal.

O vereador já afirmou que não vai comentar as denúncias nem eventuais ações. “Está em segredo de Justiça”, insiste o parlamentar.

Por Ademir Terradas em 10/04/2017 às 19:20
JK Essencial Residence