SEGUE O JOGO

O Projeto Escola Sem Partido, do vereador Jean Dornelas (PRP), aprovado na sessão de terça-feira, dia 7, parece que terá outros desdobramentos, além do possível veto ou da sanção do prefeito Edinho Araújo, que está afastado e retorna às atividades na segunda-feira, dia 13. O prefeito em exercício, Eleuses Paiva (PSD), já avisou que a Prefeitura vai fazer uma nova análise da matéria para que o governo tenha uma posição e que a decisão de sancionar ou não o projeto vai ser de Edinho.

Por em 09/11/2017 às 23:59