Doação

Edinho negou também que tenham recebido R$ 50 mil da JBS para a campanha a deputado federal em 2014. O dinheiro foi doado primeiro à executiva nacional do partido e depois repassado a campanha dele. "Minha campanha recebeu R$ 50 mil em recursos legais oriundos do PMDB nacional, devidamente declarados à Justiça Eleitoral, que aprovou as contas de campanha sem restrições. Na época as doações de empresas eram permitidas pela legislação eleitoral. Há, portanto, total legalidade", afirmou em nota. 

Por em 18/05/2017 às 23:59