GAZETA DIGITAL ISSUU - Gazeta de Rio PretoISSUU - Gazeta de Rio Preto

Cidades

Gado Tabapuã ganhará núcleo interestadual de criadores da raça

Lançamento será realizado nesta sexta-feira, dia 12, durante a 56ª edição da Expo Rio Preto

A raça Tabapuã, considerada o único zebu genuinamente brasileiro, ganhará, em breve, o Núcleo InterEstadual Origem do Tabapuã, que terá como sede Rio Preto. O lançamento oficial será no próximo dia 12 de outubro, durante a 56ª edição da Expo Rio Preto. Segundo Sarita Junqueira Rodas, criadora de gado Tabapuã e proprietária da Fazenda Água Milagrosa, considerada berço da raça, o Núcleo já tem participação confirmada de 25 criadores dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro e Mato Grosso do Sul.

“O núcleo chega com a missão de fortalecer parcerias entre os criatórios visando constante melhoramento genético, fomento da raça e aumento do plantel de Tabapuã nos estados de atuação nos próximos 5 anos”, ressalta. Entre os criadores confirmados, o Núcleo já tem o criatório Fábio Zucchi Rodas, pertencente à Fazenda Água Milagrosa, Tabapuã da Gê 05, de Gerusa e João Trivelato Neto, Bruno e Márcio Gregg do Rodeio Gaúcho, Tabapuã TJG, de Marcos e Sérgio Germano, Tabapuã do Córrego, de Rodolfo Ortenblad e Julio Laure, presidente da Associação Brasileira de Criadores de Tabapuã (ABCT).

Museu

Durante a Expo Rio Preto, visitantes também poderão conhecer detalhes do gado Tabapuã em um museu dedicado à raça, no Caboclão. O Tabapuã, que teve origem na Fazenda Água Milagrosa, na região de Rio Preto, é o único entre os gados da raça zebu considerado genuinamente brasileiro. No espaço, os visitantes poderão conhecer mais detalhes do Tabapuã - considerado um dos mais dóceis entre os mochos -, como origem da raça, troféus conquistados ao longo dos últimos anos pela Água Milagrosa, além de conferir de perto dois dos animais mais premiados no Brasil. Mais precoce entre os zebus e uma das maiores conquistas da zootecnia brasileira em 100 anos, o gado Tabapuã é visto como uma das melhores linhagens existentes hoje no Brasil, tanto para corte como leite.

Segundo a Associação Brasileira de Criadores de Tabapuã (ABCT), haverá julgamento de raças com pontuação válida para o ranking da entidade. O número total de criatórios que vão participar ainda não foi confirmado. O criatório Fábio Zucchi Rodas, pertencente à Fazenda Água Milagrosa, já confirmou a participação no evento.

Livro

Durante a Expo Rio Preto, o gado Tabapuã terá destaque ainda com direito a lançamento de livro sobre a raça, museu com informações sobre a origem do animal e lounge, coordenado pela Fazenda Água Milagrosa. O espaço poderá ser visitado diariamente, dentro do horário de funcionamento do evento. "Neste espaço, os visitantes poderão conhecer tudo do Tabapuã, desde quando teve a origem da raça, em Tabapuã (SP), que está na região de Rio Preto até às premiações do criatório Fábio Zucchi Rodas. Também teremos animais em exposição”, conta Sarita.

No dia 13/10, ocorre o lançamento regional do livro “Tabapuã, a história da raça genuinamente brasileira”, que traz toda a história da origem da raça Tabapuã, no Brasil, escrito pelos jornalistas Raul Marques e Bruno Xavier. “A obra retrata todo o trabalho de vida dos Ortenblad e evolução da raça, hoje considerada um dos zebus mais completos do País. Fala ainda da notoriedade que o Tabapuã ganhou após o intenso trabalho, idealizado por meu pai, Fábio Zucchi Rodas. A obra é um marco na história da Água Milagrosa, pois agrega todos os conhecimentos sobre o Tabapuã”, afirma Sarita Junqueira Rodas, CEO do Grupo Junqueira Rodas.

Expo Rio Preto

Voltada para o agronegócio, difusão tecnológica, fomento ao setor e entretenimento para toda a família, a Expo Rio Preto já tem confirmada dez raças para exposição. Entre eles, Nelore, Sindi, Nelore Mocho, Guzerá, Senepol, Simental, Gir Leiteiro, Girolando e Angus. A Expo terá ainda shopping para venda direta de animais: touros e matrizes. No total, cerca de mil animais estarão em exposição. Na pista de julgamento serão oito raças para ranqueamento nacional: Nelore, Nelore Mocho, Gir Leiteiro, Girolando, Guzerá, Sindi, Angus e Tabapuã. Neste ano, um dos objetivos é tornar a Expo Rio Preto referência para a raça Tabapuã.

“Mantivemos o foco no agronegócio, ampliamos e reorganizamos os espaços e conteúdos com a participação de associações do setor”, explica Antonio Pedro Pezzuto Júnior, secretário de Agricultura e Abastecimento de Rio Preto.

Serviço
O evento será realizado até 14 de outubro, no Recinto de Exposições Alberto Bertelli Lucatto de Rio Preto (SP). A entrada é gratuita.

 

Por Da Redação em 11/10/2018 às 17:30
JK Essencial Residence