Artigos

Três passos para ter mais autoconfiança

Artigo escrito pelo Life Coach, Fabiano Latham

Não restam dúvidas de que a autoconfiança é fator fundamental para a realização pessoal e profissional. Quem confia em si tem mais segurança para ir em busca dos próprios objetivos e vencer qualquer obstáculo.

Mas como ser autoconfiante numa sociedade que cada vez mais cobra para que nos enquadremos em padrões? Como construir a autoconfiança se muitas vezes sequer aprendermos a valorizar a nós mesmos, em nossa singularidade, com qualidades e defeitos?

Tenho percebido cada vez mais em meus atendimentos de coaching que a falta de confiança em si é o que faz muitas pessoas perderem grandes oportunidades. Por não identificar e acreditar nos próprios valores, muita gente se coloca num nível abaixo do que realmente está e com isso perde a chance de crescer, atingir metas e realizar sonhos. Felizmente, quem está aberto ao autoconhecimento e a agir de forma comprometida e focada consegue reverter essa situação.

Não há uma receita infalível e muito menos devemos ditar regras do que seria mais correto para ter autoconfiança. Mas com base em minhas próprias experiências e no que venho observando há anos em pesquisas e no comportamento humano, listo abaixo o que considero os 3 grandes passos para qualquer pessoa começar a exercitar a autoconfiança e não deixar que tempestades momentâneas abalem a evolução pessoal:

Passo 1 – Quem é você?

Responda sinceramente: quem é você? E essa resposta não é a mesma que você dá ao preencher perfis de redes socais. Saber quem você realmente é o primeiro passo para ter mais autoconfiança. Ter noções dos seus pontos positivos e das suas dificuldades, além de saber dos próprios limites é essencial para se conhecer de verdade. E quando nos conhecemos e aprendemos a nos amar e respeitar como somos, estruturamos melhor o emocional e nosso índice de autoconfiança cresce. Seus valores e princípios estão claros para você? Já experimentou escrevê-los?

Passo 2 – O que você quer da vida?

O que você realmente quer da vida? Você estuda, trabalha, se diverte, se alegra, se entristece e por aí vai. No entanto, qual seu verdadeiro propósito? O que você tem extraído da vida? Como tem aproveitado as oportunidades, a relação com as pessoas e as chances de aprender? Você tem feito valer a pena cada dia, independentemente se eles são perfeitos ou como você imaginava? Responder a estas questões nos deixa mais centrados e certos de nossa missão no mundo. E nada melhor do que ter direções para nos sentirmos mais autoconfiantes.

Passo 3 – Pelo quê você quer ser lembrado?

O que você tem escrito nas páginas do livro da vida? Ou melhor: você tem escrito algo ou ultimamente as linhas têm ficado em branco? O que você faz hoje e o que você fala tem feito diferença na vida das pessoas que te cercam? Não é preciso ser famoso, rico ou alguém com ações grandiosas. Todos nós temos nosso papel neste mundo e em algum nível nossa conduta afeta a vida de outras pessoas e o próprio curso da história. Sendo assim, que contribuição você tem dado? O que fará com que as pessoas lembrem-se de você quando já não mais estiver aqui?

Fabiano Latham – Life Coach

Bem-Estar Físico e Emocional

www.fabianolatham.com

 

 

Por Da Redação em 19/10/2017 às 22:50
JK Essencial Residence